12/set/2013, 8h25min

Tirem as máscaras, digam o que querem de fato

São livres as manifestações no Brasil, pois vivemos numa democracia. Mas não queiram que concordemos com o anonimato. Quem são estes mascarados que não querem mostrar suas faces? Que usam mochilas com materiais duvidosos? Que levam paus, bastões e jogam pedra em brigadianos? Que depredam locais de todos os tipos, desde a barbearia da Ladeira, passando pelo Banco do Brasil e outros prédios públicos?

O que querem? Quais são suas demandas? São contra a repressão? Eu também sou contra a repressão de gente que se manifesta livremente, de cara limpa, que não joga bomba molotov na cara dos outros.

Quem ler a História recente de Porto Alegre vai ver que houve imensas mobilizações durante a ditadura militar, com muita repressão. Gente de cara limpa foi presa, torturada e morta. Outros apanharam e foram para a cadeia. Vivem ainda hoje as sequelas de um passado sem liberdade e sem democracia.

Mas as manifestações tinham como mote demandas claras: Liberdades Democráticas, Abaixo à Ditadura, Fora o FMI, Anistia, Contra a Carestia, etc. Passeatas fechavam apenas metade da pista para evitar que a rua fosse obstruída. Gritávamos palavras de ordem para quem passava nos ônibus, mas não depredávamos, muito menos ateávamos fogo em coletivos com passageiros.

Hoje se tranca rua, impedindo a circulação de pessoas que reivindicam as mesmas demandas. Isto nunca foi, não é, e nunca será atitude democrática. Os mascarados não nos representam. Não realizam uma manifestação pacífica, justa e democrática, fruto do direito fundamental da livre expressão. Suas manifestações esbarram em atos de vandalismo que põem em risco a ordem pública. Atos que depredam o patrimônio público e privado, colocam em xeque a ação das autoridades, causam danos ao transporte público e à segurança das pessoas.

É claro que não se pode coibir a manifestação pública da população. Mas a leniência para com os atos de depredação, vandalismo e prática de crimes de dano ao patrimônio público e privado não pode ser justificada. Tais atos devem ser coibidos com rigor suficiente pelo Poder Público.

Agora, esses grupos resolveram também piratear imagens de pessoas conhecidas, postar suas fotos com cara tapada, como se aderissem aos Black Bloc, aos Anonymous e outros tantos que querem representar, mas não representam ninguém além deles.

Nós que lutamos contra o totalitarismo, pelas liberdades democráticas, que ajudamos a conquistar a democracia não vamos calar.

Vamos continuar lutando pelo bem-estar de todo o povo brasileiro, contra a corrupção de todos os tipos, seja aquela praticada por cidadão comum ou políticos e magistrados. Neste ângulo devem sempre caminhar o Brasil e o seu povo sob pena de se efetivar um retrocesso democrático, fator este altamente negativo para toda a democracia até aqui alcançada.

Adeli Sell é escritor e consultor


36 comentários para “Tirem as máscaras, digam o que querem de fato”

  1. jlcaon disse:

    Enfim, um texto de profundo clamor e de pontual atualidade. O anonimato quando é imposto como castigo é uma barbaridade – os hábitos nos campos de concentração, por exemplo – , quando usado como opção política é uma falsa militância. Os filmes respectivamente com o título aproximado “O homem invisível” mostra que o álibi pelo anonimato ou pela invisibilidade é uma condição calhorda na qual medram as piores tendências do ser humano.

  2. Fellipe disse:

    Tu é contra a repressão? Engraçado, não sei pq lembrei da época em que um certo secretário da SMIC recolhia os produtos de vendedores informais e descia a brigada neles…
    Além disso, por esse tipo de manifestação, como a tua – que não agrega ou propõe nada de novo, apenas a criminalização de reivindicações legítimas como acesso aos serviços públicos de qualidade e busca uma nova relação entre o poder público e a sociedade – apenas corrobora o fato de tu não conseguires se eleger na última eleição para vereador. Como a maioria dos quadros políticos do PT que trabalham na direção do partido, TU NÃO ENTENDEU O QUE OCORREU EM JUNHO.
    Quem sabe aos invés de ficar ao lado da grande mídia e sair como paladino da democracia, que lutou por ela e blá, blá, blá; radicaliza a democracia direta que teu parido outrora tentou propor com o orçamento participativo e se perdeu na busca pelo poder institucional.
    Tenta debater meios, já que teu partido não quer pagar o piso dos professores, de conseguir recursos para um salário digno aos trabalhadores da educação, ao invés de jogar confete pelo PIB chinês-gaúcho do agronegócio que não trás benefício nenhum à população.
    Aliás, falando em mascarados, pq tu não te pronunciaste sobre os brigadianos que andavam sem identificação nas manifestações? Será que é devido a brigada estar com o PT atualmente?
    Coerência meu velho, peço apenas isso.

  3. Zé Bronquinha disse:

    Enquanto jovens buscam o anonimato através de máscaras para evitar assim serem cassados pelo que preferem a “paz dos cemitérios”, políticos possuem imunidade para “restar livre” de todas as suas peripécias criminosas, que vai desde recebimento de propinas, desvio de recursos da merenda escolar até o ato de mandantes de crimes.Os políticos que condenam essa juventude que repetem aquilo que já foi dito em outras bandas, que “nossos sonhos não cabem em vossas urnas”, são capachos, em regra, de interesses empresariais nas casas legislativas nos tres níveis, por isso esse raciocinio raso, rancoroso e cheio de temores.

  4. Muito feliz os comentários do Fellipe e do Zé Bronquinha.

    O Adeli Sell deveria exigir o fim da máscara da dívida pública que entrega aos rentistas metade dos impostos pagos pelos brasileiros. O fim da máscara das operações do BNDES que elevam o endividamento público para beneficiar grandes empresas nos processos de privataria. O fim da máscara do superávit primário. O fim da máscara das privatarias petistas. A identificação dos policiais e o fim da infiltração dos mesmos nas greves dos trabalhadores.

    Lamentável que um partido que nasceu das greves e das lutas contra a ditadura utilize táticas da ditadura para reprimir greves e trabalhadores. Bem lembrado a gestão fascista do Adeli na SMIC. São duros com os trabalhadores, os estudantes mas molinhos, molinhos com os grandes grupos econômicos e o imperialismo americano (vide o fiasco das ações de Dilma diante da espionagem).

  5. Pagador de impostos disse:

    Ótimos comentários. Se o texto preza pela demagogia, pelo autoritarismo, os comentários até agora manifestam o clamor do povo consciente. O autor do texto, fala que ele e seus parceiros lutam pela liberdade, pela democracia, contra o totalitarismo, deveria se desfilar do PT então, pois nunca houve, desde a ditadura militar tamanho desequilíbrio entre os 3 poderes da republica. Nunca houve desde então, tamanho risco para o estado democrático e a liberdade civil individual como nesse momento. Vi uma manifestação pacifica e sem mascaras em Porto alegre, até que a população sentada no chão foi agredida pela PM na frente do prédio do ZH. O que eles faziam lá? Protegendo o povo? Protegendo a RBS?

  6. Pagador de impostos disse:

    A demanda que não apareceu nos jornais: Prisão dos mensaleiros!

  7. Natal disse:

    O interessante dos comentários contra o texto do Adeli é a falta de explicação para necessidade das máscaras. Não dizem que os perseguiria, nem do que tem medo. Fazem bem o tipo dos que foram para as ruas em julho “contra tudo que está aí”, mas que não propõem nada e que, além disso, tentaram impedir grupos que historicamente lutam contra os abusos do poder econômico, com propostas claras e sem máscaras. Na realidade pareciam os clássicos filhinhos de papai que querem ver seus problemas resolvidos brincando de rebelde fazendo de conta que botando fogo nas lixeiras da cidade tudo se resolverá. O mundo não funciona assim é bem mais difícil que isso. Só é fácil para os que estão eternamente na oposição, como era o PSOL, por exemplo, pego agora no RJ fazendo caixa-dois com dinheiro do sindicato, isso depois do daqui já ter aceito dinheiro da Gerdau para fazer campanha… Por sinal o interessante é que quase ninguém nas manisfestadões apoiou a decisão da Dilma de colocar 100% dos royalties do petróleo do pré-sal na educação quando a câmara tentou desvirtuar a proposta ou a do PT pelo fim do financiamento das empresas nas campanhas eleitorais, esses dois eventos aconteceram na época das manifestações… mas vi muitos contra a PEC 37, apesar de 99% não saber do que se tratava… é o que se pode esperar de quem precisa de máscara numa democracia.

  8. Paulo H. disse:

    “Como a maioria dos quadros políticos do PT que trabalham na direção do partido, TU NÃO ENTENDEU O QUE OCORREU EM JUNHO.” Excelente.

    O PT Rosa, ou “Gauche caviar” no dizer dos franceses, perdem e irão perder as próximas eleições justamente porque não entenderam nada.

  9. Fellipe disse:

    Caro Natal,

    As críticas são muitas ao status quo vivido pela nossa sociedade. Poderia colocar inúmeras aqui não somente listando o que há de ruim, mas mostrando inúmeros dados de pesquisa séria realizadas nas universidades de nosso estado, que nem sequer são analisados pelos governos.
    Que fique bem claro, peço apenas mais coerência no discurso não somente contra o Adeli ou o PT, é contra um sistema político viciado no poder e na ganância burocrática (pode ser PSOL,PSTU, PMDB ou outro partido de direita ou esquerda). Se qualquer crítica ante ao nobre articulista for taxada menor por ser feita por “playboyzinhos” e/ou “mascarados” que não tem um projeto político, mostra a extrema falta de visão frente aos acontecimentos e, claro, a não ida às manifestações ocorridas em JUNHO, meu caro.

    Apenas para deixar claro, o aparato policial foi (e está sendo) implacável contra os manifestantes, sejam mais radicais (o que é ser radical frente a um mundo de injustiças e desigualdades?) e os mais pacíficos. Inúmeras pessoas estão sendo indiciadas e foram perseguidas em bares ou nas ruas durante os protestos.
    E os policiais do tatu da Copa? e os guardas municipais?

    http://www.youtube.com/watch?v=t9tChAaVrVA
    http://www.youtube.com/watch?v=84r0J7N80JA

    Ninguém!!! Nenhuma notícia. Como confiar numa corregedoria que (não) investiga o próprio corpo policial? E a delegacia dos direitos Humanos? Ou seja, como confiar em instituições que se dizem respeitadoras dos Direitos Humanos, sendo que na primeira oportunidade prendem sem qualquer critério, estabelecendo um estado de exceção (E olha que não estamos na copa, pode ter certeza vai ser pior). Já relatei no comentário anterior, mas é um absurdo ver policial andar sem identificação e/ou prender as pessoas sem indicar o pq estavam prendendo.
    Não pense que toda a crítica contra o PT parte do PSOL, PSTU ou qqr outro partido de esquerda. É, na verdade, a busca de uma coerência. Muitos que hj criticam o PT provavelmente partilharam, em algum momento, da construção de uma nova sociedade a qual o referido partido se mostrava como vanguarda. Porém o PT cresceu e se desprendeu das lutas dos movimentos sociais (E faz tempo isso), tanto que inúmeros intelectuais fundadores do partido acabaram deixando-o, por verem que a relação burocrática com o poder foi mais forte que a manutenção das bandeiras históricas.
    As manifestações de junho e os black blocs são um sintoma, meu velho… de uma sociedade que não aceita mais esse tipo de negociata, que deseja um maior envolvimento, não somente nas pequenas discussões; que não aceita o transporte público como está (sem fiscalização, sem transparência), que não aceita uma brigada militar truculenta e autoritária, que não aceita mais o modo como são tratados os trabalhadores da educação.
    Precisa-se de muito esforço para não enxergar essas discrepâncias….

    O fato de colocar o comentário nesse espaço, é justamente por lembrar das fiscalizações contra os comerciários ambulantes nos idos anos 90, e como falei, utilizando a brigada militar.

    Política nunca deve ser feita apenas como discurso, deve ser a união de discurso e prática a todo momento… coisa que o PT e outros nobres articulistas deixaram pra trás ou quiçá souberam fazer.

  10. Caro Natal:

    Participei dos atos de junho, julho e sigo participando de outros atos sempre sem máscara. Ocorre que tem que ser muito ingênuo para não perceber o que está em jogo e a correlação de luta entre as forças. Tem que ser muito ingênuo para acreditar que os governos que infiltram mascarados e não mascarados nas lutas populares, que recebem professores com gás e tiros, que espionam a internet dos ativistas, que mascaram seus conluios com os grandes grupos econômicos estão preocupados com a liberdade de expressão e a integridade dos manifestantes. Ou o protofascista Cabral, que defende o projeto do desmascaramento, é um exemplo de campeão da democracia para você?

    Há uma contraofensiva do regime para perseguir e criminalizar os movimentos sociais após as jornadas de junho. A Câmara dos Deputados, na qual o PT tem maioria, está prestes a aprovar um projeto (com apoio do PT) para reduzir o número de populares nas galerias e ainda proibir cartazes, faixas e bandeiras. É nesse nível que está a coisa! Nesse contexto não perceber o que de fato está em jogo só colabora para aumentar o quadro de repressão do regime.

    É preciso se opor decididamente ao projeto do protofascista Cabral e fazer uma forte campanha pela libertação dos presos políticos do Black Bloc, encarcerados sem o devido processo legal.

  11. JotaEsse disse:

    “Hoje se tranca rua, impedindo a circulação de pessoas que reivindicam as mesmas demandas. Isto nunca foi, não é, e nunca será atitude democrática”.

    Parece que acordei em plena ditadura vargas.

    Só falta pedir a prisão de pessoas pelo crime de “vadiagem”.

  12. Natal disse:

    Caro Jorge Nogueira,

    Os excessos tem que ser combatidos em ambos os lados e ninguém está aqui defendendo o Cabral. Mas também ninguém aqui me explicou a necessidade das máscaras. Já participei de muito protestos e nunca precisei estar mascarado. Esse é o ponto central do debate, poderia conversar sobre todos os outros pontos, sobre o PT, ou sobre a forma de democracia que eu gostaria que existisse, mas seria algo longo que não cabe nesse espaço de comentários. O fato é que nunca se teve tanta liberdade neste país, os protestos que fecham ruas eram dispersados na porrada faz poucos anos, o MST que o diga… Hoje se permite tranquilamente, desde que não haja depredações e risco a integridade física das pessoas, essa é a norma geral, não vamos querer que as exceções sejam regra para dizer que a brigada foi truculenta e autoritária. Se for por isso posso citar os casos dos policiais que apanharam e dizer que tem que bater me todo mundo, seria ridículo, de um reducionismo absurdo. Máscaras nos protestos só servem para atrair os que querem se aproveitar da confusão para depredar e saquear, não vejo como isso pode aumentar a democracia ou dar maior legitimidade as manifestações.

    Abs.

  13. Fátima disse:

    Prezado Felipe, já escreveu quase tudo o que eu escreveria, mas algumas perguntas ainda poderiam ser feitas aos petistas que não gostam das máscaras que os manifestantes usam porque a polícia dos governos do PT não obedecem aos governos? Por quê a brigada militar já chega nos protestos atirando? Por quê a brigada que é do comando do governador Tarso, e paga com dinheiro dos contribuintes protege tanto os bancos e a RBS? Eu militei no tempo do Adeli, corri muita da brigada nos anos 70, 80 e 90, mas eu sei e entendo que a correlação de forças das repressão é bem mais preparada e bem diferente dos anos 70 e 80. Sou a favor das máscaras sim, e se forem lenços vermelhos, melhor ainda. O Adeli está distante do povo, a muito tempo, assim como o PT. E na câmara não me surpreendeu nunca o Adeli ter ido para a direita junto com os demais vereadores.

  14. Fátima disse:

    Ah, esqueci de dizer para o Adeli e para os petistas de plantão, eu continuo militando e indo nas manifestações e estou preparada para os próximos tempos ao lado da juventude que mascarada vai para a rua por um mundo melhor. Trótski deve estar se revorando no túmulo, se espirito tivesse.

  15. Eduardo B disse:

    O choque esta cheio de gente a fim de meter o pau nessa bandidagem e a esquerda aplaude. Eu aplaudo. Peguem quem vocês conseguirem prender na boa ou nem tao na boa. Caça livre!

  16. Caro Natal:

    Eu sinceramente gostaria muito de viver nesse ambiente de liberdade plena que você descreveu. Só que a realidade concreta, meu caro, infelizmente aponta em outra direção. O recrudescimento do regime vem já de alguns anos, como já vinha ocorrendo nas grandes obras do PAC onde trabalhadores MORREM e quando se revoltam pelas condições degradantes de trabalho são duramente reprimidos pela Força Nacional do governo federal. Em Jirau há 12 operários DESAPARECIDOS pelo crime de fazer greve! Sem contar os que foram presos!
    Durante os governos petistas aumentou em 269% os assassinatos de índios. Em Belo Monte foi descoberta a infiltração de um agente da ABIN para espionar o Movimento Xingu Vivo. Aqui o Governo Tarso enviou 3 P2 para o piquete dos Correios no dia 30/08.

    Você parece se esquecer que um dos motivos dos protestos terem engrossado em junho foi a bestial repressão da polícia em São Paulo que chegou a atingir 6 jornalistas da Folha! Aqui no Rio Grande do Sul os próprios comandantes da Brigada afirmaram que a orientação era DISPERSAR os protestos para que as pessoas fossem para casa, o que não tem nada a ver com pegar os “vândalos” já que jogavam as bombas no meio da multidão pacífica e desmascarada! No artigo abaixo abordei um pouco como que a repressão vinha aumentando e o porquê desse fenômeno:
    http://blogdomonjn.blogspot.com.br/2013/05/brasil-aumenta-o-entreguismo-e-repressao.html

    A conjuntura é essa meu caro, infelizmente! A violência de cima não tem nada de fato isolado trata-se de orientação política planejada! É uma luta dos de cima contra os de baixo! Saber se posicionar nesse conflito é fundamental. Esse é que é o ponto!

    Abraços!

  17. Rafael Silva disse:

    A provocação do Adeli foi muito além das manifestações: “Tirem as máscaras, digam o que querem de fato”. E de fato, muitos aqui acederam ao apelo. E foram mais longe, expuseram suas mágoas. Parece que a “esquerda” ao mesmo tempo que sonha com avanços -que de forma pragmática vem acontecendo- não deseja que outrém o faça. Cai a máscara do todos contra o PT, capitaneada pela Mídia Golpista.

  18. Natal disse:

    Caro Jorge,

    Não consigo enxergar esse recrudescimento, tal fato seria verdade se o governo tivesse colocado o exercito na rua para parar as manifestações em Brasília sob a justificativa que tentaram invadir prédios públicos. Isso não aconteceu e o recado e os atos da presidência foi claramente a favor das manifestações. Como disse antes, alguns anos atrás fechar uma rua fazia a Brigada partir para a repressão quase imediata. Não podemos perder nos perder da realidade histórica na qual vivemos se queremos fazer uma avaliação correta do momento.

    Sobre a atuação do policia de São Paulo não tenho muito a dizer, eles são a cara do PSDB, que se estivesse no governo federal teria colocado os tanques na rua apara acabar com a “baderna”. Já a Brigada agiu de forma diferente, aliás, não sei achei nenhuma referência a “orientação era DISPERSAR” que disseste que tinha sido manifestada pelos “próprios comandantes da Brigada”, a orientação defender a integridade física das pessoas. E isso que foi feito, com raras exceções, a ação da brigada só ocorreu depois que os protestos ficaram violentos e todos terminaram assim, por ação de grupos mascarados, lembra? Tema original da conversa.

    Falando sobre Belo Monte não tenho acompanhado a fundo o assunto, mas lembro bem que a Globo também era contra a usina, até mandou seus celetistas gravar um vídeo contra a construção. Claro que isso não te coloca ao lado da Globo, da mesma forma que tuas ilações sobre o PT e os conservadores não são tão simples quanto fazes parecer. Porém não podemos negar que vivemos num estado democrático e de direito, isso é fato, que não é perfeito, isso também é fato, mas a força nacional foi para lá cumprir o que foi determinado pela lei, só isso.

    Claro que o atual governo é obrigado a ter um relacionamento bastante próximo de setores conservadores, todos governos o são quando se vive numa democracia. Uma democracia frágil e manipulada poderias dizer e eu concordaria, porém é o PT que tem se esforçado para isso, a reforma política proposta pelo partido visa claramente diminuir a força do poder econômico nas eleições e está sendo boicotada pela grande imprensa, que é a voz do poder econômico que a sustenta com o dinheiro da publicidade. A proposta petista, agora aprovada, do uso do dinheiro do pré-sal na educação também faz parte disso.

    Por sinal me chamou atenção nos protestos a falta de manifestantes a favor dessas duas bandeiras essenciais a democracia, já a favor da PEC37 tinha milhares, mesmo sem 99% saber do que se tratava, porém foi um tema insuflado pela grande mídia. Em tempo, assim como em Belo Monte, isso também não quer mostrar nenhuma aliança obscura entre os manifestantes e a grande mídia, que leituras superficiais poderiam fazer. Lembro ainda que o aumento dos protestos não foi só pela repressão em SP, mas também pelo chamamento da grande mídia, de novo ela… que interessante, né?

    Sim, meu caro, a conjuntura é essa e esse tipo de certeza baseada em interpretações frágeis favorece mais quem tá em cima do quem está em baixo. Por sinal, bater é fácil, gostaria muito de saber qual é a tua solução para governar o país diante da sociedade que temos? Essa resposta sim me interessa muito. Quando discuto com pessoas da direita e pergunto em quem eles votam, elas fogem da discussão, são apartidários, sabe? Mas tu te colocas obviamente a esquerda do PT, então, qual é a solução? E como ela seria implementada? Que essa é a grande questão, bater de frente com o poder econômico não é tão simples. O PT gaúcho sabe bem disso. Esse sim é o ponto.

    Abs.

  19. Tiago Loeblein disse:

    Calado é um poeta o senhor presidente municipal do pt Adeli Sell, usa jargões como “vândalos” “desorteiros” e por ai vai. O “rigor suficiente” que o senhor clama já muito mais do que aplicado. O que o senhor saberia se participasse de manifestações populares ao lado do povo.
    Outra coisa caro Adeli, vandalismo é o que se gasta com um vereador, para projetos inuteis, como no seu caso aquele de botar fraudas nos cavalos em porto alegre.

  20. Ronaldo Aquino disse:

    Meu único desejo é para que volte um governo do PSDB em 2015 nos moldes do FHC com desemprego, recessão, apagão, privatização, fila do gás, corrupção (ah, mas foi o PT que inventou-a…), SIvam, PROER, pasta rosa, compra de votos para e reeleição, anões do orçamento e dentre tantos outros escândalos que nem lembro, mas que foram acobertados pelo Judiciário e pela mídia amiga de sempre. Meus caros eu vivi a “década perdida” do (des)governo FHC, era estudante da UFRGS e vi esta Universidade minguar em seus recursos, caminhando a passos largos para o sucateamento com um Ministro da Educação pronto para implantar a cobrança de mensalidades nas universidades… Seriam bons motivos para sairem às ruas, não acham?

  21. Japonês disse:

    Se tudo der certo, o PT vai ficar 50 anos no poder e vai continuar falando do tal FHC… Como se pudesse comparar dois momentos tão distintos da história. Como se nada de bom tivesse sido feito, mesmo com a oposição implacável e demagógica do PT. Para o pelego cego energúmeno o marco zero do controle da inflação, da criação do programa saude da família, do investimento social é o ano 2002. Antes só havia corrupção e impunidade. FHC foi exilado pela sua posição de pensamento, outros por guerrilha, metralhadora, bombas e seqüestros. Agora vem falar em baderna. Alias, falaram em judiciário. O STF esta prestes a liberar os mensaleiros graças aos ministros indicados pelo PT. Compraram o legislativo e agora o judiciário. Pior que isso só Cuba e Venezuela.

  22. Eduardo disse:

    Se tudo der certo em 10~20 anos o país será poderoso, rico, desenvolvido e habitado por um povo saudável e culto. Pode até ser um país que fale mal do PT. Daqui a 10 anos.
    Mas por hora, os entreguistas já perderam.
    Não perderam para o PT, coitado, mas para o povão, para o fluxo maior dos acontecimentos, que todo dia faz consensos cada vez mais na direção da soberania.
    Não é o PT que muda o país, é o povão que muda o país e fez do PT a sua figura de proa.
    Então PSOL e PSTU me desculpem, podem estar certos em vários pontos isolados, mas o arcabouço, a infraestrutura, o estofo e mais do que tudo, a sintonia com o espírito dos tempos é o PT que tem.
    E o PT diz: que bichice é essa de mascarinha americana ?
    É para poder quebrar vidraça, incendiar lixo e se dar bem com as meninas?
    É claro que sim.
    É para brincar de ninja.
    Não tem um reles argumento que se possa fazer dentro da racionalidade do convívio democrático, que não possa ser exposto de cara limpa.
    Máscara é só de palhaçada, só para ter uma emoçãozinha umpúbere, adolescente, infantil.

  23. Japonês disse:

    Eduardo, você é CC do PT? Povo culto? Nem reprovação há mais nas escolas. Nem o piso salarial do professor querem pagar. Saudavel? O Brasil tem o maior uso per capita de agrotóxicos do mundo. Investe 3,2% em saúde. Você acha que trazer 6000 medicos de Cuba vai deixar o povo mais saudavel? Não me faça rir… vai só dar um apoio moral para os pobres do interior do norte e nordeste que nem exame de sangue vão ter direito. 41.500 leitos do SUS fechados no período do seu governo petista. Esses cubanos vem fazer campanha ideologica. E daqui 3 anos? Trazer mais 20.000? Vê se você consegue subir aí dentro do PT, que aí você pode ser tratado no sírio libanês, por medicos brasileiros formados na USP, UFRGS, UFRJ… Com especialidade em bons hospitais escolas. Poderá usar, se tiver um câncer o Rituximabe, que salvou a vida da dilma e ela mesma vetou para uso no SUS. Agora fica na torcida que os seus heróis corruptos serão soltos na quarta feira pelo judiciário vendido. Assim ficará claro de vez que só existe o poder executivo do seu partido e mais nada. O povão deve ser o eike batista que mês passado recebeu 82 milhões via BNDS para salvar seus negócios. Olha aí o seu partido defendendo os fracos e oprimidos…. Quem será que ele vai apoiar no ano que vem?

  24. Estas analogias com a ditadura são tentativas de desvirtuar a discussão.
    Como assim, iam de “cara limpa” lutar contra a ditadura?
    E a clandestinidade? As identidades falsas? A cirurgia plástica de José Dirceu?
    O PT já foi, ao menos, mais inteligente.

  25. Caro Natal:

    Desde quando a prova de que a repressão está aumentando é o exército na rua? Você mesmo fez menção a postura da polícia “tucana” mostrando o contrário. E atualmente a força repressiva especial mais utilizada pelo governo federal é a Força Nacional, a qual ajudou o governador tucano de Minas Gerais a reprimir manifestantes e que foi oferecida a Geraldo Alckimin, antes do PT se tornar “a favor” das manifestações. Mas se a sua visão estreita insiste em só ver aumento da repressão com exército na rua, relaxe, pois ele esteve nas ruas ajudando na repressão no 7 de setembro.

    Meu caro quando não temos informações mais aprofundadas dos fatos não saímos por aí dando chutão para salvar nossa coloração ideológica. A Força Nacional não tem atribuição legal de recolher os crachás de trabalhadores em greve e encaminhar a sua demissão como vergonhosamente fizeram em Belo Monte. Nem o simples fato de haver uma greve é motivo para que tal aparato repressor seja acionado para violar o direito democrático de greve como deixou claro o Consórcio Construtor de Belo Monte (CCBM). É a mesma falta de informação que apresenta diante da atuação da Brigada Militar em Porto Alegre nos atos de junho onde não faltam testemunhas (inclusive muitos leitores do Sul21) para relatar que as bombas eram jogadas no meio da multidão pacífica. Para piorar você parece não se incomodar com a infiltração de agentes da repressão nos movimentos sociais e nem com a baderna dos P2 infiltrados para promover o vandalismo (muitos mascarados). Tudo planejado pelos governos – incluindo os do PT.

    Não vou entrar no mérito de discutir o chamado “governo de coalizão”, arranjo político profundamente desgastado e alvo dos protestos de rua. Mas chama atenção que agora os entusiastas desse arranjo, apontado como “sucesso”, reclamem do conservadorismo dos seus novos companheiros. Estiveram 10 anos no poder, com maioria e nunca se empenharam em aprovar uma reforma política. Agora apresentam uma reforma eleitoral que é tão boa que foi criticada até pelo Henrique Fontana (PT). Celebrar os royalties significa celebrar a maior privataria da história do país, cujos parcos recursos não resolverão os problemas da saúde e da educação, e cujo entreguismo do petróleo brasileiro criará problemas especulativos, de desnacionalização e dependência externa graves, prejudicando o conjunto da sociedade brasileira.

    Sobre as propostas para governar o país sugiro começar pela auditoria da dívida pública (que apontaria a fraude da dívida que abocanha quase a metade dos impostos); fim do superávit primário; abertura das operações do BNDES, cobrar o pagamento dos empréstimos dos grandes grupos, e mudar o papel do banco que vem financiando a fundo perdido grandes grupos, privatarias e desnacionalização da economia; auditoria das privatizações, reestatização de empresas privatizadas; Petrobras 100% estatal (e aí sim utilizar parte dos seus dividendos na saúde e na educação); reforma política com revogabilidade de mandatos, fim do Senado, redução de salários dos políticos, orçamento realmente participativo, tempos iguais de TV para todos os candidatos e criação de conselhos populares.

    Veja que as medidas que elenquei são reformistas e plenamente factíveis. O PT não as adota pois hoje muitos de seus dirigentes integram a elite ou são seus sócios. Muitos companheiros que administram fundos de pensão possuem títulos da dívida pública e participam dos consórcios com as multinacionais nos processos de privatizações. Assim como que o PT vai chamar uma auditoria da dívida ou abrir a caixa preta do BNDES?

  26. Epicuro disse:

    Sr. Adeli , uma pergunta simples e direta: Quando você vai tirar essa sua máscara, e assumir a defesa do sistema que explora milhões de trabalhadores???? Assuma que você é um político de direita, tire sua máscara que não engana mais ninguém….

  27. Nauber disse:

    O anonimato faz parte da tradição de luta do povo comum. É forma de pressionar e deixar os “aristocratas” com o c* na mão. E parece que funciona, desde a Inglaterra do século XVIII ao Brasil do XXI. O que o Brasil andou pra frente desde junho (politicamente falando) não é pouca coisa. Sobre a tradição do anonimato nas lutas do povo, leia uma referência intelectual do Partido dos Trabalhadores: THOMPSON, E. P. Patrícios e plebeus. In: Costumes em comum: estudos sobre a cultura popular tradicional. São Paulo: Companhia das Letras, 1998.

  28. Natal disse:

    Caro Jorge,

    Tu ampliaste o assunto, portanto a resposta é longa, te peço paciência.
    Peço primeiro que não maltrate as minhas palavras, não disse que só o exercito na rua demonstraria o recrudescimento da política de segurança, mas que seria um indicio, já que houve ataque direto a prédios públicos federais.Lembre que citei também o fato que faz poucos anos qualquer manifesto que fechasse uma rua era reprimido com uso da força e nos protestos de agora, no RS, a Brigada só reagiu com força quando se partiu para o quebra-quebra e se ameaçou a integridade física de pessoas. Claro que o exercito estava cuidando do 7 de setembro, sempre esteve e sempre estará, tem armas de uso exclusivo ali, apesar de achar uma bobagem esse tipo de desfile militar.
    Não saio por aí dando chutões como acusas, por sinal uma acusação clássica de quem quer desqualificar uma crítica sem contrapô-la de forma inteligente. Não vejo um chutão nos meus textos, poderia aponta-los?
    Queres falar sobre a PM2, tudo bem. A PM provavelmente colocou a PM2 nas manifestações, nos movimentos sócias, não sei, teria que avaliar se aconteceu e por qual motivo, mas com qual intuito colocaria? Para prevenir que as manifestações descambassem para a violência, ou para prender o pessoal dos movimentos sociais? Pelo que sei, com raras exceções, só prenderam que praticou vandalismo e divido que tenhas meia prova que teve PM2 incentivando o vandalismo, me parece mais um dos chutões que usas para defender tua posição ideológica.
    A postura que se tentou da PM nos protestos foi de salva guardar a integridade física das pessoas, claro que houve excessos, mas sempre dos dois lados e quase sempre começando pelos manifestantes, quem estava lá sabe bem disso e depois de começar é difícil conter uma corporação que foi criada e treinada por décadas para reprimir, não se muda a cabeça de uma corporação em poucos anos de governo. Só quem vive de ser oposição que acha que as coisas mudam por milagre.
    Mas ainda estou esperando a prova da “orientação era DISPERSAR” que disseste que tinha sido manifestada pelos “próprios comandantes da Brigada”.
    Caso não tenhas feito o nexo a Força Nacional foi manda para todas as sedes da copa da Confederações como parte do planejamento do evento e ficam só no entorno dos estádio. O PT foi desde o inicio a favor das manifestações, todos os pronunciamentos são favoráveis, não dê chutões… quem mudou de lado foi a grande mídia, e tenho provas, sim a grande mídia de novo, sempre ela…
    Como já disse não vou falar sobre o uso da Força Nacional em Belo Monte antes de me informar bem e não fazer interpretações falsas como a ida da Força Nacional a Minas Gerais, certo? Mas falarei.
    Claro que não vais falar do governo de coalizão, parece que teu partido não capacidade de fazer qualquer coalizão, é mais um daqueles que tem a verdade absoluta e não negocia nada, fácil assim, não tem o trabalho de produzir algo, só reclamar. Barbada, não a toa se acharam com os coxinhas na rua para reclamar de “tudo que está aí”.
    Dizer que o PT não tentou reformas, principalmente a política, é faltar com a verdade, mas as forças que movem o congresso são poderosas e s e avançou muito menos do que se queria, principalmente na reforma política e tributária.
    Os royalties do petróleo para educação serão de quase 400 bilhões de reais em trinta anos, carimbados exclusivamente para a educação isso são parcos recursos? Claro que se compararmos o que o PT já aumentou em recursos para educação podem parecer pouco, mas o número é bem significativo. Caso não lembres os recursos para educação quase quadruplicaram nos últimos dez anos e os para saúde duplicaram. Ainda é pouco, mas demonstra uma direção.
    Mais um detalhe, não confunda a concessão da exploração de campos de petróleo, com participação mínima de 30% da Petrobrás, com privataria, como a venda da Vale, isso é de um primitivismo assombroso. Esse modelo é apenas uma solução para um pais que não tem recursos suficientes para explorar essa imensa riqueza, orçada em dez trilhões de dólares e que terá amplo controle estatal através da Petrobrás, como já dito, então estes teus argumentos de entreguismo, de desnacionalização e dependência externa graves são falsos, ou apenas mais um chutão?
    Sobre tuas propostas, vamos lá. A auditoria da dívida pública, acho que pode ser feita, mas duvido que alguma medida prática seja factível, são negócios bem estruturados por profissionais do mercado, difícil achar erros que permitam uma revisão significativa. A abertura das operações do BNDES é um problema, um banco deve oferecer sigilo a seus clientes, assim como BB, a CEF, o Itaú, o Bradesco,… Quem pode pedir quebra de sigilo em casos específicos é a justiça. Aliás essa tua fala é igual a do Aécio e do Álvaro Dias… As operações a fundo perdido do BNDES apóia somente alguns projetos de caráter social, cultural (ensino e pesquisa), ambiental, científico ou tecnológico. Nada demais e só ver no site do Banco as exigências, nenhum empréstimo desse tipo para privatarias e desnacionalização da economia, mais um chutão teu, não?
    Reestatização das empresas privatizadas, seria ótimo, mas com que dinheiro? Como no mundo real se faria isso? A reforma política, idem? Continuamos pressionando mas é difícil. Veja bem, perguntei “o que e como?”. Só que “o que?” é fácil o “como?” que é o problema, ainda mais para quem não acredita em governos de coalizão.
    Portanto continuo esperando a resposta do que fazer e como fazer? Vamos lá, responde, se teu partido estivesse amanhã no poder ele não faria alianças para ter maioria no congresso? Desprezaria o PMDB, o maior partido do congresso e da Câmara? Se sim, governaria como? Quero muito saber, pode ser que me convenças o PT que é incompetente e não teu partido que não tem projeto real para transformar o país, só dar chutões… Ah… antes que me esqueça, a questão eram os mascarados, não vi nenhuma defesa plausível sobre esse fato ainda, não esquece!

    Abraço.

  29. Natal:

    Só ampliei o assunto porque você o ampliou! Mas dessa vez vou colocar links que respondem diretamente tuas colocações para que fique bem claro como estão embasados meus pontos de vista. Por ora vou me ater apenas a questão da repressão, ponto inicial desse debate. O material é vasto. Boa diversão!

    - P2 da Brigada Militar no piquete de greve dos Correios. Porto Alegre, 30/08/2013.
    http://blogdomonjn.blogspot.com.br/2013/09/agentes-da-brigada-militar-infiltrados.html

    - Vídeos da atuação da Brigada Militar jogando bomba no meio das pessoas que protestavam pacificamente.
    http://www.youtube.com/watch?v=KA1630cTctk
    http://www.youtube.com/watch?v=wESdLZsGxkc
    https://www.youtube.com/watch?v=yhKkpCAiY5w
    https://www.youtube.com/watch?v=9Clie9frGWA

    - Manifestante ajoelhado no chão é preso em Porto Alegre.
    http://www.youtube.com/watch?v=84r0J7N80JA

    - Repressão da Brigada Militar no episódio do tatu bola. Até o câmera foi agredido.
    https://www.youtube.com/watch?v=w7Jt5u2XxUM

    - Atuação da PM-RJ no final da Copa das Confederações. Lembrando que o Governo Cabral tem o aval de Lula, que recentemente interviu pessoalmente para manter o PT em seu governo.
    http://blogdomonjn.blogspot.com.br/2013/07/manipulacao-global.html

    - PM-RJ Agridindo Ativistas de Midia Independente.
    http://blogdomonjn.blogspot.com.br/2013/07/pm-do-rj-agride-ativistas-de-midia.html

    - PM-SP quebrando a própria viatura.
    https://www.youtube.com/watch?v=O4E1pgeq8Mw
    https://www.youtube.com/watch?v=ouX0SyHYQQY

    - Agente da ABIN infiltrado no Movimento Xingu Vivo.
    http://blogdomonjn.blogspot.com.br/2013/02/belo-monte-movimento-xingu-vivo-sofre.html

    - CCBM justificando a necessidade da Força Nacional no canteiro de obras. Um dos motivos alegados? Greve!
    http://www.xinguvivo.org.br/2013/04/18/resposta-do-xingu-vivo-a-nota-do-ccbm-sobre-atuacao-da-forca-nacional-em-belo-monte/

    - Governo Dilma monta operação para espionar trabalhadores.
    http://blogdomonjn.blogspot.com.br/2013/04/governo-dilma-monta-operacao-para.html

    - Operários presos por fazer greve no Pará.
    http://blogdomonjn.blogspot.com.br/2013/02/liberdade-para-os-operarios-do-pac.html

    - Operário de Jirau que foi preso e torturado. Note para o absurdo do carro da Polícia Civil com o logotipo da Norte Energia.
    http://www.midiaindependente.org/pt/red/2013/01/515895.shtml
    http://midiaindependente.org/pt/blue/2013/01/515872.shtml

    - Os 12 operários desaparecidos após serem presos por fazerem greve na Usina de Jirau: João de Lima Fontinele, Cícero Furtado da Silva, Antônio Luis Soares Silva, Ismael Carlos Silva Freitas, Lucivaldo Batista Moraes Castro, Antônio da Silva Almeida, Elielson Silva do Nascimento, Sebastião da Silva Lima, Herbert da Conceição Nilo, Leonilson Macedo Farias, José Ribamar dos Santos, Silvan Oliveira dos Santos.
    http://www.ligaoperaria.org.br/1/?p=3585

  30. carlos disse:

    Adeli Sell não me representa!

  31. Marcelo disse:

    Esse texto mostra a falência dos partidos políticos e da política partidária. Todos partidos são reperesentantes do sistema atual, da repressão, da manutenção do status quo. Até mesmo partidos supostamente de esquerda como PT e PSTU se mostram conservadores demais.

    Que morra o PT e todos outros partidos. Precisamos de uma mudança radical, para uma democracia radica, pois de democracia a “democracia representativa” não tem quase nada.

  32. Elenara Iabel disse:

    Oi Adeli,
    com todo meu respeito e consideração, afinal te conheço desde os tempos em que fui da Libelu, mas, desde que tu adotou o modelo de chapéu na cabeça para saudações que eu reprovo, como, por exemplo, dar mais atenção aos lojistas do que aos camelôs, onde passava o rodo nas bancas de marcas pirateadas, como as da mormai, por causar um prejuízo ao empresário querido amigo Morongo, mas deixar comercializar marca pirateada do Instituto do Câncer de Mama, pois a primeira causava um prejuízo de 500 mil ao empresário e a segunda um prejuízo irrelevante, afinal cada camiseta do Instituto de câncer de mama vendida salva a vida de uma mulher, eu passei a não te levar mais a sério. Desde então percebi que os interesses que tu passou a defender não eram mais os da classe trabalhadora e sim teus interesses particulares, oriundos de uma classe que não é a classe trabalhadora.
    Mas, sobre esse teu artigo, aqui publicado, a resposta, o comentário que deixo é o artigo de Walter Hupsel | On The Rocks – publicado em 12 de set de 2013 cujo link segue após o destaque que faço: “Quando o V foi cedendo lugar aos “Black Blocs”, que não são um grupo homogêneo, mas uma tática que – criada na década de 1980 na Europa – visava proteger os manifestantes da repressão policial, o que era inusitado virou criminalizado.(…)
    Mas, parece claro, que a questão não é coibir abusos, e sim criminalizar os protestos e os manifestantes.”

    http://br.noticias.yahoo.com/blogs/on-the-rocks/um-passo-à-criminalização-dos-protestos-200657364.html

  33. Natal disse:

    Caro Jorge,

    Então vamos falar de repressão e vamos colocar aqui o discurso que gerou polêmica, tu disseste que a repressão recrudesceu no governo do PT e eu disse que não, apesar de alguns erros na condução. Digo mais, nunca se teve tanta liberdade neste país. Mas vamos aos fatos que colocaste e quem tiver paciência de ler que julgue, afinal não somos donos da verdade.

    Os arquivos que mostras são, para mim, a prova viva que a repressão não recrudesceu. Afinal onde nesses casos ela recrudesceu ao que já existia no país? A palavra recrudesceu significa aumentou, e isso não aconteceu, é uma acusação gravíssima, mas sem embasamento nenhum. Querer comparar 2013 com 2003, ou até mesmo SP, que vive ainda em 2003, com o RS é forçar a barra. Nem comentarei sobre a PM de SP. Além do que fez nos protestos atuais, faz poucos anos entraram em guerra com a Civil de lá e a Força Nacional foi chamada intervir, isso deve dizer tudo sobre como o PSDB usa a policia, por sinal era quem governava antes o país, como pode ter piorado? Essa é a questão básica quando se diz que aumentou, pode não estar bom, mas está melhor que na época do FHC, isso sem falar de um momento um pouco anterior onde tínhamos uma ditadura. Dizer que aumentou é um discurso panfletário completamente dissociado da realidade.

    Outro ponto. Querer que um governo não tenha órgão de inteligência também é absurdo, faz parte da segurança estratégica do país, reunir informações, inclusive os trabalhadores e não só eles como fazes parecer, faz parte de qualquer país que queira ter um mínimo de segurança. Lembro que o cabo Anselmo, grande puxador de greves e militante da ultra esquerda, era na verdade agente da CIA, então não sejamos ingênuos. Não existe país no mundo que não tenha um sistema de informações. A diferença é como se usa as informações, E repito, ninguém dos movimento sociais foi preso por fazer grave aqui no RS, só alguns poucos vândalos.

    Voltando ao recrudescimento da repressão, os vídeos que mandaste, os da Brigada, por exemplo, mostram já o final dos atos quando os mascarados já tinham quebrado um monte de coisa, ah… esses tu não gostas de postar, não precisa, conhecemos bem eles. A BM só acabou de dispersar os protestos quando esses já tinham descambado para a violência. Isso é fato, se os que foram dispersos não eram os vândalos, fica difícil de saber de noite e depois de tanta confusão.

    Sobre a PM do RJ, o que dizer, tem vídeos também que mostram PMs sendo encurralados e agredidos. Que resposta esperar? Difícil, né? Mas não vi esse aqui também, se precisar acho e te mando, mas acredito que conheças bem. Violência gera violência, foi o que se viu. Não existem inocentes nesses conflitos. Se os manifestantes deram cobertura para os que foram lá quebrar acabaram sendo solidários a eles.

    Sobre a usina de Jirau é difícil falar, tenho pouco dados, mas pelo que vi por duas vezes tiveram protesto violentos lá começados pelos grevistas. É uma obra imensa, com 19.000 trabalhadores. Segundo reportagens que li em março de 2011 trabalhadores locais durante protestos queimaram 45 ônibus e 15 carros administrativos, além destruir e danificar 30 instalações e 35 alojamentos. Após uma os manifestantes voltaram a atear fogo a ônibus, carros e alojamentos. Em 2012, no início do ano, entre março e abril, um grupo de operários iniciou um tumulto que culminou em incêndio na madrugada do dia 2 abril, quando parte dos alojamentos da usina de Jirau foi totalmente destruída. Ao todo, 36 das 57 instalações à margem direita do Rio Madeira foram incendiadas.

    Buenas, assim é difícil falar de repressão a greve, e muito mais em recrudescimento da repressão, quando ninguém impediu o direito a greve, ou seja, de cruzar os braços e de até fazer piquetes, mas não de colocar vidas milhares de vidas em risco, sim milhares, não é exagero. Não tem como concordar. Se a policia também errou, tem que ser julgado, mas quando a manifestação começa assim, não dá para esperar que a polícia não atue. O que tu sugeres? Que se fique parado olhando? Que se deixem pessoas morrerem antes de tomar uma providência?

    Acho que esse é ponto a ser encarado, e por isso é muito importante estabelecer a ordem cronológica dos fatos, pois tanto nas manifestações daqui, quanto nas do movimento grevista no Jirau os manifestantes iniciaram a violência e sem que o direito a greve lá ou as manifestações pacíficas aqui fossem impedidas, em ambos os casos a policia interviu depois que a violência começou. Isso é mau uso da liberdade e do direito de greve e não recrudescimento da repressão.

    Vi também, além da violência dos grevistas e da policia, as ações do governo, que só usou a Força Nacional depois dos primeiros protestos e também usou outros mecanismos para garantir a dignidade dos trabalhadores e correu para fechar um acordo ainda em 2011, mesmo assim em 2012 nova greve com novos atos de vandalismo…

    Um detalhe sobre os desaparecidos, estranho isso, como pode acontecer? Não houve denuncia formal dos sindicatos quanto a isso? Qual foi a resposta? Se não teve resposta o que foi feito? Foi levado a instância superior? Os grupos que postaram as denuncias não foram atrás? Nada disso aparece na internet, estou curioso. Quase impossível analisar sem saber os fatos, ainda mias usá-lo como prova do recrudescimento da repressão no país.

    Eu sou por princípio contra manifestações violentas, pois podem gerar vítimas inocentes e só servem para justificar respostas violentas. Portanto, também sou contra o uso de máscaras em protestos, já que facilitam a ação de pessoas que querem praticar atos violentos sem ser identificadas. Te pergunto, então, tu és a favor de atos violentos em manifestações, mesmo que se corra o risco de atingir inocentes? Esse é a questão em pauta, por justificar ou não o uso de força pela policia nesses casos.

    Abs.

    P.S.: Ainda estou esperando material sobre os comandantes da PM e o uso de PM2 para insuflar a violência nas manifestações, ou foram só chutôes como tu me acusaste?

  34. O Natal usa a lógica da indignação seletiva, ou seja, só condena as ações dos governos dos partidos concorrentes. Do governo que ele apóia tudo é permitido e justificado e por mais que se tragam fatos documentados e imagens cristalinas do ocorrido ele nega, tergiversa e tenta comprovar o contrário, embora as imagens o desmintam. Dessa forma não há debate possível pois ele não se posiciona a partir de posições políticas mas a partir dos agentes que implementam as ações políticas. Daí ele criticar a atuação da PM de SP e defender as agressões da BM em Porto Alegre, cujos vídeos que postei não deixam dúvidas.

    Assim, de minha parte, não resta outra alternativa que não seja encerrar essa tentativa de diálogo. É o que o bom senso sugere. Como está tudo registrado os leitores poderão fazer suas comparações e conclusões.

  35. Natal disse:

    Jorge,

    Respondi item por item teus comentários, ao contrário de ti, não fui nada seletivo, os textos longos mostram exatamente isso. Os vídeos que trouxeste sim, são seletivos, pois não mostram as ações que levaram a BM a agir daquela forma, tuas imagens não desmentem uma vírgula do que falei. Tu trazes fatos distorcidos e/ou unilaterais que quando contraponho com outros fatos reais, tu diz que assim não há debate, é esse tipo de debate que estás acostumado, sem contraditório? Tu falas e os outros aceitam? Bem fácil dessa forma, mas, a menos que eu tenha mentido nos meus argumentos, não é assim que aprendi a debater. Aliás, essa tua postura é uma posição política clara, a de quem não quer debater de verdade, quer só criticar para tirar proveito político da situação. Só te lembro de que quem ganha com essa oposição irracional é à direita, que se estivesse ainda no poder não teria dado oportunidade a todos os avanços que tivemos, ou também negara os números do IBGE e da ONU? Desde o inicio deixei clara a minha e a tua posição política, só que a minha eu assumo e a tua tu escondes, não sei se por vergonha ou por ser mais fácil atacar sem ter que defender nada. Já tive muitas discussões com pessoas de direita que adotam a mesma estratégia, a do apartidário. Poupe-me do teu apartidarismo, apartidários não governam apenas criticam, são como crianças que querem que os pais resolvam seus problemas, “tudo que está aí”, caso contrário jogam os brinquedos no chão e choram. Mas como escrevi antes prefiro que os outros julguem o que foi debatido.

    Abs.

  36. Natal disse:

    E agora, caro Jorge Nogueira? Pouco mais de quatro meses depois do último comentário o saldo é um cinegrafista morto e uma família quase queimada viva dentro do carro. Esses são os tipos de manifestações que apoias? Nada como dar tempo ao tempo para que o óbvio aconteça… Abs.

Comentar

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.