Coluna APPOA

Tempo, Tempo, Tempo, Tempo…

Por Maria Ângela Bulhões Sempre considerei a temática do tempo no mínimo instigante. Não costumamos lembrar no cotidiano da vida que a contagem do tempo, na forma do relógio e do calendário, é apenas uma construção e que em si mesmo o tempo não possui substância nem essência. Temos a ideia, por vezes, de considerá-lo […]

3% – miragem e ruínas

Por Lucia Serrano Pereira A promessa de um mundo paradisíaco desde sempre animou as miragens, as fantasias que nos habitam. Quando esse paraíso ganha o nome de “Maralto”, inevitável a associação às grandes navegações, histórias que desde sempre compuseram o tecido de nosso imaginário. Sonhos que deveriam ajudar cada um a suportar deixar sua terra ( […]

Meu pequeno jardim

Por Paulo Gleich Em um pequeno apartamento onde vivi tempos atrás, tive um pequeno jardinzinho de temperos, instalado, na falta de jardim, terraço ou sacada, sobre a superfície do ar condicionado que se estende do lado de fora da janela da sala. Desde então, incorporei ao meu cotidiano o hábito da rega, que em dias […]

Presentes e derivados… mas sem sugestões

Tu m’as donné ta boue et j’en ai fait de l’or. Charles Baudelaire Por Alfredo Gil Tornou-se um lugar comum dizer que a festa natalina desvinculou-se da sua dimensão religiosa reduzindo-se a uma orgia consumista. É por isso que o rebanho de consumidores se reúne nos diferentes templos comerciais em busca do objeto que melhor […]

Dezembros

Por Marieta Madeira E eis que termina o ano. Dezembro é mês de festas – e são muitas festas. De minha parte, tenho muitos amigos e familiares queridos que fazem aniversário nessa época. São os filhos do carnaval, como costumo brincar. As festas de aniversário se somam às confraternizações de final de ano, tornando a agenda […]

Nudes

Por Otávio Augusto Winck Nunes É, foi difícil! Ou melhor, está sendo, já que não terminou. Na verdade, sabemos que são suficientes poucos instantes para tomarmos conhecimento de mais perdas. Já os ganhos, normalmente, precisam de muito trabalho. Por certo a culpa não será do ano, afinal, pouca diferença faz o número, mas será difícil esquecer […]

Livros imprudentemente poéticos

Por Fernanda Breda A memória era o resto da realidade. Uma sobra que mutava para a ilusão com facilidade. Tinha-se obcecado pela ideia de arrancar as imagens pelo pé assim como se fazia com às flores. Arrancá-las pelo pé para enfeitar o dentro dos olhos. Às vezes é preciso ir longe para alcançar aquilo que […]

Pensar em paradoxo

Por Sandra Djambolakdjian Torossian A morte de Fidel mostra, mais uma vez, que somos feitos de paradoxos. Inúmeros comentários e análises. Uns salientam suas conquistas sociais, outros sua postura ditatorial. Sobre isso diz Galeano: “Seus inimigos dizem que foi rei sem coroa e que confundia a unidade com a unanimidade… E nisso seus inimigos têm razão. […]

A magia das falas simplificadoras ou Fundamentalismo, cinismo e fé

Por Robson de Freitas Pereira O quê acontecimentos recentes como a palestra de Michel Houellebecq em Porto Alegre, sob o título: “os intelectuais franceses no começo do sec. XXI”; a eleição presidencial nos Estados Unidos com a vitória de seu candidato (aparentemente) mais caricato, para dizer o mínimo e a deposição da presidente brasileira, podem ter […]

Espelho Espelho Nosso

Por Maria Ângela Bulhões O seriado inglês Black Mirror estreou sua terceira temporada no NETFLIX em outubro e seu primeiro episódio vem causando impacto. Esta é uma série que apresenta o tema da tecnologia científica atrelada ao da subjetividade humana e que pode suscitar boas discussões. Nesse capítulo (são capítulos independentes), é traçada de forma […]